quinta-feira, 30 de março de 2017

Bruna Viola - Flor Mato - Grossense.


Não é tudo do chamado "sertanejo" que gosto, aliás para falar a verdade, é bem pouco. Mas tenho um lado "romântico - sertanejo" ainda mais se for próximo do que o pessoal chama de "sertanejo de raiz". Nascida em Cuiabá no Mato Grosso em 1993, Bruna Viola é dessas sertanejas de raiz e segue mais ou menos a trilha de outra violeira, Helena Meirelles (1924 - 2005).

Bruna é uma artista completa, além da viola caipira, toca violão, canta e compõe. Mas assistindo ao DVD "Melodias do Sertão" a gente percebe que a viola caipira é realmente sua grande paixão, a execução do tema instrumental "Luzeiro" de Almir Sater é o ponto alto da apresentação e tocar essa faixa não é para qualquer instrumentista. Você pode não gostar de sertanejo, entendo perfeitamente, mas eu gosto da Bruna Viola e isso é o que tem importado pra mim ultimamente.

Curiosidade:
O tecladista da banda da Bruna chama-se Adriano Grineberg. Em 2004 ele apareceu na Vinyl Club (lendária loja de vinil que eu frequentava em Curitiba) divulgando o CD "impressions in blue" que havia acabado de gravar. Comprei o CD que ele autografou escrevendo "Para o brother Nei, momentos de Paz."

Veja Bruna Viola em "Luzeiro" de Almir Sater.

Nenhum comentário:

Postar um comentário