domingo, 3 de setembro de 2017

A qualidade de Michele Mabelle.


Quando Michele Mabelle cantou "Linha Reta" (seu primeiro single) pensei na minha psicoterapeuta (apesar dela ter olhos azuis). Como várias pessoas já sabem estou no meio de um tratamento psicoterápico e fui internada numa clínica psiquiátrica vinte e quatro dias. Você não sabe o esforço que é para mim sair de casa para fazer qualquer coisa. Ela conseguiu uma carona que me pegou e me deixou em casa, além do convite na bilheteria do Teatro SESI em São José dos Pinhais / PR. Qual seu nome, perguntou a mocinha. Lúcia Porto, respondi com orgulho.

Antes de entrar encontrei o Carlão Gaertner e a Bacabí dois ídolos pra mim, se você não sabe quem são procure saber. É muito difícil fazer um show independente em um teatro, com essa apresentação Michele Mabelle subiu um degrau na sua já bastante conhecida carreira na música curitibana.

Faz parte do caminho, vamos subindo degrau a degrau e convenhamos fazer um show solo em um teatro não é para qualquer um. Ela o fez com garra, empenho e dedicação. É o que faz a música ficar viva, gente que se doa e a faz por amor, não há outra palavra para descrever.


Michele e Gegê Felix

Ela fez dois números com o violonista Gegê Felix, um instrumentista de primeira, fiquei impressionada com a qualidade dele. Também houve a participação do Carlão e da sempre linda Bacabí. Um show e tanto. Quem perdeu, perdeu.

O videoclipe logo estará no ar e vocês poderão ver e ouvir a qualidade de Michele Mabelle.

2 comentários:

  1. Obrigada Carlão. Uma lenda não pode ser esquecida. bjo. Lúcia Porto.

    ResponderExcluir